A França de Tulio de Melo

JPEG
(Foto: Agência Reuters)

Todo mês uma personalidade responde às nossas perguntas e nos conta o que a França representa para ela. Este mês, nosso convidado é autor de uma dobradinha histórica na Copa-Campeonato da França em 2011. Jogando pelo LOSC de Lille, Tulio de Melo é o mais francês dos mineiros! Nascido em Montes Claros (MG) há 30 anos, Tulio aproveitou os cinco anos em que morou na França (em Mans, Lille e Evian) para marcar 56 gols em 200 partidas, além de aprender a falar francês, conhecer a gastronomia do norte da França e até de se tornar cidadão francês! Agora, Tulio de Melo joga pela primeira vez no campeonato brasileiro, com o Chapecoense. Autor de um belo gol contra o Fluminense, sábado passado no Maracanã, Tulio nos fala de sua querida França. Acompanhe o nosso encontro com esse personagem forte e cativante.

Quais são os seus laços com a França?

É a minha segunda pátria, depois de ter passado dez anos na França, eu me sinto Francês, como de fato sou, pois adquiri a nacionalidade e tenho orgulhoso disso.

Um lugar imperdível na França?

Sem dúvida é Paris, a cidade mais bonita do mundo!

Qual a sua palavra predileta em francês?

Gol!

Qual a personalidade francesa que você prefere?

Jamel Debbouze

Qual o pior defeito e a melhor qualidade dos franceses?

O defeito é que, em geral, os franceses são muito fechados e a grande qualidade é a lealdade!

Se você tivesse que resumir a França em um livro, uma música ou um filme, qual seria?

A música “On S’attache” (a gente se amarra) de Christophe Maé.

O gosto da França (especialidades, pratos, sabores…) ?

Eu adoro a culinária francesa em geral, especialmente os queijos, os vinhos e os escargots.

Como você descreveria a França em três palavras?

Elegância, magia, única.

No Rio, qual o seu cantinho francês preferido?

Sem resposta (raramente vou ao Rio).

Para você, o que simboliza o laço entre a França e o Brasil?

Nós temos uma ligação muito forte, que é a fronteira terrestre entre o Brasil e a Guiana Francesa, acho que eu não saberia mencionar uma só ligação, são muitas. A França e o Brasil são países parceiros há muito tempo. Ultimamente, a ligação mais evidente é a do futebol, seja pelos jogadores brasileiros que jogam na França, ou pela rivalidade entre os dois países, por causa dos resultados do Brasil na França durante a Copa do Mundo.

Nossas últimas entrevistas foram com o ator Gregorio Duvivier, o jogador de futebol Paulo Cesar Caju, com o músico Kleiton Ramil, o ator Marcos Breda e o músico Ricardo Villas, que responderam às nossas questões. Descubra o que a França representa para cada um deles nos links a seguir:

http://riodejaneiro.ambafrance-br.org/A-Franca-de-Gregorio-Duvivier-1288
http://riodejaneiro.ambafrance-br.org/La-France-de-Paulo-Cesar-Caju
http://riodejaneiro.ambafrance-br.org/La-France-de-Kleiton-Ramil
http://riodejaneiro.ambafrance-br.org/A-Franca-de-Marcos-Breda
http://riodejaneiro.ambafrance-br.org/A-Franca-de-Ricardo-Vilas

publié le 09/11/2015

haut de la page